MENU
ENTRAR •••••
CADASTRAR •••••

Exposição Mitogravura

exposicao-mitogravura
De 10 de outubro a 4 de novembro, acontece a Exposição Mitogravura no Museu Nacional, em Brasília. Confira!
Data: De 10 de outubro a 4 de novembro de 2018
Hora: Terça a domingo das 9h as 18h30
Local: Museu Nacional da República / sala 2

Sobre Exposição Mitogravura

O Museu Nacional apresenta, na Sala 2, a exposição “Mitogravura” – gravuras de Cristina Carvalheira, com abertura no dia 09 de outubro de 2018.

A mostra traz ao público uma antologia da obra da artista e traça um percurso de seus 30 anos de dedicação à gravura.

Texto curatorial:
“Ao pegar um táxi em Atenas em 1982, o antropólogo Charles Stewart conta que ouviu um curioso relato do motorista, segundo o qual o irmão deste havia sido enfeitiçado por um mau-olhado, e não conseguia consumar seu casamento. Para resolver o problema, uma bruxa turca mandou desenhar um círculo numa encruzilha, onde ele deveria ficar durante três noites, portando sete caveiras humanas. Após esta “cura”, o irmão do taxista conseguiu consumar o matrimônio e teve seis filhos.

A relação entre círculos e rituais permeia a própria história humana, desde as danças dionisíacas na Antiguidade Clássica até o toré, cerimônia religiosa em que os indígenas brasileiros se reúnem para dançar em círculo. Ao longo de 30 anos, Cristina Carvalheira tem trabalhado, por meio da gravura, a relação entre o círculo, o ritual, a magia, o céu e a terra.

O próprio ritual do gravador assume o aspecto mágico de criação divina, composto por inesgotáveis procedimentos voltados à produção de imagens, que a artista traduz em formas humanas, animais e vegetais – elementos extraídos da mitologia, ligados à cura e à vida.

Como o disco de Kandinsky tende ao movimento concêntrico ou excêntrico, as gravuras de Carvalheira sugerem a rotação e a translação do mundo.

Por meio da imagem dupla ou duplicada, a artista espelha seres de formas ambivalentes conforme a teoria de Jung da repetição de elementos opostos ou em equilíbrio, aqueles que as civilizações repetem incessantemente em suas culturas tradicionais.

Esse universo se desdobra nas obras por meio de uma infinidade de técnicas da gravura em metal sobre papel algodão, como a água-forte, a água-tinta, a ponta seca, a maneira negra (eventualmente colorida), o buril, a impressão, o gaufrage, o berceau, a roulette e o chine collé, às quais se junta uma solitária litografia, para animar a dualidade que permeia toda a exposição.”

Ingressos

  • Entrada franca

* Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Mais Informações

  • Telefone: 3325-5220
  • Classificação: Livre
••••••••••

Cadastre-se no DeBoa.Com e receba e-mails com as melhores festas, shows, boates, agenda cultural e dicas de Brasília.

••••••••••

Deixe um comentário

*

publicidade

publicidade

••••••••••

publicidade

••••••••••
DESTAQUE
Cute Case Brasília

Cute Case Brasília

Uma grande variedade de produtos para diversos aparelhos, desde caixinhas de som que faz a sua festa acontecer... Mais

Festival de Ceviches El Paso

Festival de Ceviches El Paso

De 19 a 28 de Outubro acontece o Festival de Ceviches no restaurante El Paso em Brasília. Confira!... Mais

10 Coisas para Fazer no Final de Semana

10 Coisas para Fazer no Final de Semana

Que tal seguir nossas Dicas e ter um final de semana incrível? Saia da rotina, Brasília tem muito para você... Mais

Clima Lago

Clima Lago

A Clima Lago é especializada no fornecimento de Soluções em Sistemas de Ar Condicionado. Confira o descont... Mais

Curso profissionalizante em Hipnose

Curso profissionalizante em Hipnose

Entre os dias 19 e 21 de outubro acontece em Brasília o curso de hipnose prática e clínica. Confira!... Mais